MRA aposta no Brasil e apoia a aposta do Brasil na Europa

A MRA, que tem dois escritórios do Brasil (São Paulo e Fortaleza), vocacionados para ser plataformas de apoio no relacionamento com uma rede de parceiros de todo o país, vem desenvolvendo paciente trabalho de aperfeiçoamento de métodos visando a melhoria da qualidade da prestação de serviços juríodicos.
Para além da atenção que merecem os nossos próprios escritórios vimos dando uma atenção especial à circulação de informação interna e na rede de parceiros, ouvindo a opinião dos colegas com quem trabalhamos e corrigindo os métodos adopaados na «rede» de forma a melhorar a operacionalidade dos serviços.
Durante os meses de Junho e Julho, realizamos reuniões entre advogados de Portugal e do Brasil em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Fortaleza, Natal e João Pessoa.
No ano corrente, mantivemos um contacto directo e presencial, com os escritórios e parceiros do Brasil com média inferior a 90 dias e um contacto electrónico permanente.
A admissão do Brasil como parceiro estratégico da União Europeia criou novas condições para uma aposta do Brasil na Europa.
Porque consideramos que Portugal é a melhor porta de entrada dos brasileiros na União Europeia, apoiamos a aposta dos empresários que querem fixar âncoras das suas empresa em Portugal.
Nos nossos escritórios de Lisboa, trabalham três advogadas brasileiras, originariamente vocacionadas, de forma especial, para o apoio aos investimentos portugueses no Brasil.
Elas passarão a ser as pessoas a quem é pedida uma atenção especial para o apoio aos nossos clientes do Brasil que querem investir na Europa.
Logo que o Conselho Nacional de Imigração do Brasil lhe conceda a devida autorização, as nossa Colega Ana Contreiras, uma advogada portuguesa já inscrita na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) regressará a São Paulo.
Pedimos desculpa aos nossos clientes pelos eventuais incómodos causados pela burocracia inerente à legalização dessa nossa colega, acreditando que essa situação será ultrapassada a breve prazo.
Acreditamos que a colocação do Brasil no lugar de parceiro estratégico da União Europeia e o novo voo Lisboa-Brasília mudarão muita coisa na relação entre esse país continental que é o Brasil e a Europa e que isso será bom para Portugal e para o Brasil.
Por isso apostamos, de forma ainda mais forte, no Brasil…
Compartilhar

Leave a Reply