Medidas drásticas reduzirão o défice em apenas 5,1 mil milhões de euros

O Governo reiterou o objectivo de reduzir o défice orçamental para 7,3%, em 2010, e para 4,6% em 2011. Entre cortes na despesa e aumento nas receitas, o pacote de austeridade hoje anunciado representa um corte no défice de 5,1 mil milhões de euros.

O Governo anunciou esta tarde 15 medidas do lado da despesa e quatro do lado da receita, que totalizam 5,1 mil milhões de euros.

No lado da redução da despesa, o Governo conta cortar 3.420 mil milhões de euros, o que corresponde a 2% do produto interno bruto (PIB).

Com as medidas no lado da receita, o Governo estima arrecadar mais 1.700 milhões de euros, o que representa 1% do PIB.

Teixeira do Santos sublinhou, no entanto, que apesar das medidas anunciadas em Maio e das medidas apresentadas hoje, a “receita fiscal total de 2011 será mesmo assim claramente inferior à receita cobrada em 2008″.

Da consolidação orçamental a efectuar em 2011, dois terços do total será obtido com medidas do lado da despesa. Com estas medidas o Governo pretende reduzir o défice orçamental para 7,3% em 2010 e para 4,6% em 2011.

“Pretendemos no final de 2011 ter o mesmo défice orçamental da Alemanha”, sublinhou José Sócrates.

MRA Alliance/JdN 

Compartilhar

Leave a Reply