Governo vai registar marcas para vender

O Governo vai registar a seu favor marcas que não estejam registadas e comercializar essas marcas.
Segundo o comunicado do Conselho de Ministros, o serviço «Marca na Hora» vai permitir a aquisição imediata de uma marca, pré-registada e pré-aprovada a favor do Estado, escolhida numa bolsa criada para o efeito, em atendimento presencial único. Desta forma, o processo de obtenção de uma marca, que chega a atingir 16 meses, passa a ser imediato.
Significa isto que quem usar uma marca sem a ter registada corre o sério risco de perder a possibilidade de proceder ao registo e de ver um concorrente usar a mesma marca, pre-registada a favor do Estado.
Compartilhar

Leave a Reply