Estes senhores são uns trapalhões…

O SIMPLEX é uma excelente ideia. Mas os senhores que o executam na área da justiça são uns trapalhões.

Ainda ontem saiu uma portaria, com eficácia a partir de Fevereiro do corrente ano, relativa aos acto de registo civil que podem ser processados eletronicamente. Mas a verdade é que nada funciona…

No site http://www.civilonline.mj.pt/CivilOnline/ lê-se o seguinte:

«O registo civil on-line veio tornar a vida das pessoas mais simples.

Através da utilização deste sítio vai passar a ser mais simples praticar actos de registo civil.

É eliminada a necessidade de deslocações às conservatórias e permite-se que as pessoas possam praticar actos de registo civil de forma mais cómoda, mais simples e mais rápida.

O primeiro serviço disponível no registo civil on-line é a possibilidade de dar início ao processo de casamento (civil, católico e religioso) a partir de casa ou de qualquer outro local com acesso à Internet, sem necessidade de se deslocar à  conservatória. »

A verdade é que nada do que é necessário está disponível…

Compartilhar

Leave a Reply