CRISE DA JUSTIÇA

Segundo o Instituto Nacional de Estatística, entre 1996 e 2005, a duração média dos processos cíveis findos revela comportamentos distintos em função do tipo de processo, sendo de destacar o aumento de 16 para 31 meses nas execuções e a diminuição, de 25 para 12 meses, nos processos de falência ou insolvência e recuperação de empresas.
Ver relatório
Compartilhar

Leave a Reply