Brasil: Governo e OAB cooperam para encerrar cursos jurídicos sem qualidade

O ministro da Educação do Brasil, Fernando Haddad, participou da sessão plenária do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para debater com a entidade a questão da qualidade do ensino nos cursos jurídicos do País. Haddad atendeu a convite formulado pelo presidente nacional da OAB, Cezar Britto, durante reunião que mantiveram no mês passado. Nessa reunião, ficou acertada uma parceria entre a OAB e o MEC para o procedimento de uma supervisão em mais de 100 cursos de Direito cuja má qualidade foi atestada tanto pelos Exames da Ordem quanto pelo Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enad). Também acompanharão a visita do ministro da Educação os presidentes das 27 Comissões de Ensino Jurídico da OAB.

Fonte: OAB

Compartilhar

Leave a Reply