Aprovado o Plano para a Integração dos Imigrantes

Segundo o comunicado do Conselho de Ministros, foi aprovado o Plano para a Integração dos Imigrantes.
O comunicado salitenta que o Plano «resulta da reunião dos contributos dos diferentes ministérios com os contributos resultantes do período de discussão pública, constitui, assim, um programa político que pretende atingir níveis superiores de integração, quer numa perspectiva sectorial, designadamente nas áreas do Trabalho, Habitação, Saúde e Educação, quer numa perspectiva transversal no que toca às questões do racismo e discriminação, igualdade de género e cidadania.»
Mantém-se, em nossa opinião erradamente, uma lógica segregacionista nas políticas de imigração, que, para além de custar milhões de euros, mantém as «diferenças» entre os imigrantes e os nacionais.
Ultrapassado o quadro de crise que vivemos há anos, nada justifica que se mantenham estruturas vocacionadas para a efetiva marginalização dos imigrantes, por via da sua diferenciação.
Compartilhar

Leave a Reply