Situação social não melhorará nos “tempos mais próximos”, diz PR

O Presidente da República, Cavaco Silva, afirmou hoje não se poder esperar que “nos tempos mais próximos ocorra uma melhoria significativa da situação social” e reiterou o apelo a uma “distribuição justa dos sacrifícios”.

“Num tempo de austeridade como aqueles que vivemos em Portugal, não podemos esperar que nos tempos mais próximos ocorra uma melhoria significativa da situação social da nossa população”, afirmou Cavaco na entrega dos prémios EDP Solidária 2011, no Museu da Electricidade, em Lisboa.

“Devemos ter bem presente que este é um tempo em que muitos portugueses vivem sérias dificuldades, temos à nossa frente um grande desafio de emergência social. Daí o apelo que eu tenho dirigido, para uma distribuição justa dos sacrifícios que se pedem aos portugueses”, apelou.

MRA Alliance/DE

Leave a Reply