Risco Portugal é o que hoje mais cai no mundo

No mercado de ‘credit-default swaps’ (CDS) – instrumentos financeiros para a prevenção de risco de incumprimento pelos devedores – é visível o alívio das preocupações dos investidores em relação a Portugal. O preço dos CDS sobre as obrigações do Tesouro portuguesas a cinco anos, é o que mais cai hoje no monitor da Bloomberg. 

O valor dos CDS nacionais desceu hoje 14,4 pontos base para 425,83 pontos, o que significa que, por cada 10 milhões de euros aplicados em dívida pública portuguesa, os investidores têm de pagar um seguro anual de 425,83 mil euros.

Também os CDS sobre obrigações de Espanha (306,60 pontos base), da Itália (194,34 pontos base) e da Irlanda (531,49 pontos base) estão hoje em queda.

Já o juro das Obrigações do Tesouro portuguesas a 10 anos sobe para 6,217%, acima dos 6,151% a que encerou ontem.

O porta-voz do Governo alemão avisou hoje que a chanceler Angela Merkel vai voltar a vetar a emissão de dívida conjunta por parte dos países da zona euro. “Há obstáculos económicos e jurídicos à introdução de ‘Eurobonds’ [obrigações comuns dos estados-membros do euro], e estas reservas continuarão a existir nas próximas semanas”, disse hoje o porta-voz do Executivo alemão, Steffen Seibert, em Berlim.

MRA Alliance/DE

Leave a Reply