Poupança subiu para 6,4% do PIB em 2009

A crise está a fazer com que os portugueses poupem mais e, em 2009, a taxa de poupança voltou a subir para 6,4% do produto interno bruto quando no ano anterior correspondia a somente 4,5%, segundo revela o Relatório de Estabilidade Financeira do Banco de Portugal.

A taxa de poupança tinha iniciado uma rota descendente há já vários anos, tendo batido “no fundo” em 2007, ano em que representou apenas o equivalente a 4,3% do produto Interno Bruto (PIB) e 6,2% do rendimento disponível.

A inversão desta tendência começou em 2008 e manteve-se no ano passado, com a poupança a atingir um valor equivalente a 6,4% do PIB e 8,8% do rendimento disponível das famílias. Valores mais positivos, mas ainda longe dos registados em 2003, quando atingiu 10,6% do rendimento disponível.

MRA Alliance/Agências

Leave a Reply