Portugal: Falta de crédito empurra 5.000 empresas para a falência

As insolvências não param de aumentar em Portugal. Nos primeiros nove meses deste ano o país registou 4.759 processos de insolvência. Desde o final de 2009, a tendência de subida tem sido consistente.

Depois de se terem registado 1.464 casos no primeiro trimestre de 2010, o número subiu para 1.565 entre Abril e Junho e voltou a aumentar para 1.730 no terceiro trimestre, revelam dados da Credito y Caución.

De acordo com a análise feita pelos especialistas da Crédito y Caución, «as persistentes dificuldades de acesso ao crédito pelas Pequenas e Médias Empresas tem dificultado a sua gestão de tesouraria sendo um dos principais factores que estão na base de muitos processos de insolvência judicial», explica o relatório.

Olhando para o número registado entre Julho e Setembro, as falências aumentaram 37% relativamente ao período homólogo e 11% relativamente ao trimestre anterior. Este foi também o valor mais elevado dos últimos dois anos.

MRA Alliance/Agência Financeira

Leave a Reply