Patrões aplaudem corte do custo do despedimento para 10 dias

Fonte do Ministério da Economia confirmou hoje que o Governo vai reduzir as indemnizações por despedimento para dez dias por cada ano de trabalho a partir de 2012. A informação surge numa altura em que se discutia a redução do valor do custo do despedimento de 30 para 20 dias para os novos contratos.

A diminuição dos custos de despedimento consta no memorando de entendimento celebrado com a ‘troika’ e vai abranger todos os contratos, novos e antigos, indicou a mesma fonte.

Aos microfones da TSF, o presidente da CIP, António Saraiva, não se mostrou surpreendido com a medida. “Já vem contemplada no memorando de entendimento que o País subscreveu com a troika”, disse, lembrando que a questão dos 10 dias “não estava quantificada”, muito embora o memorando referisse que a redução tinha de ser para a “média europeia”.

“Ou alteramos as leis laborais naquilo que elas nos afastam dos nossos concorrentes da União Europeia ou para outros onde os nossos produtos se destinam ou dificilmente produziremos factores de produtividade”, argumentou.

MRA Alliance/DE

Leave a Reply