Parlamento: Socialistas contra a redução do número de deputados

Deputados à AR primam pelas ausências ao plenárioO PS está frontalmente contra a redução do número de deputados no Parlamento. Os socialistas rejeitam a tese defendida por uma petição com cerca de 20 mil assinaturas que corre na Internet e que requer que o número de deputados passe de 230 para 180. Recorde-se que um dos dirigentes e deputado histórico do PSD, o social-democrata Mota Amaral defendeu a redução do número de deputados. O tema vai a debate na Assembleia da República.

O líder parlamentar do PS, Francisco Assis, considera que trata-se de um debate “demagógico”. “Compreendo que as pessoas que assinam não têm o mesmo grau de responsabilidade de quem tem funções políticas. Há uma certa diferença entre o Parlamento e a rua. No dia em que desaparecer essa diferença, o Parlamento deixa de ser necessário e, no dia em que deixar de ser necessário, a democracia está em perigo”.

Francisco Assis defende que as mudanças devem surgir no sistema eleitoral, para melhorar a qualidade da representação política. “Grande parte dos portugueses não conhece os seus deputados. Aí é preciso fazer alguma coisa. Não devemos fazer nenhuma reforma eleitoral que elimine os pequenos partidos e não devemos fazer um reforma eleitoral que não assegure a correcta representação de todo o território nacional”.

MRA Alliance/Agências

Leave a Reply