Ouro, prata e zinco são as grandes apostas para 2011

barras e moedas de prata e ouroA Bloomberg sondou mais de 100 analistas, traders e investidores para tentar antecipar quais serão os melhores investimentos em 2011. Para a maioria dos inquiridos as matérias-primas são a grande aposta para o próximo ano, apesar dos elevados ganhos conquistados ao longo de 2010 e do mercado estar a antecipar uma valorização do dólar face ao euro que, teoricamente, tornaria as commodities menos atractivas.

Nesta classe de activos, a onça de prata será o investimento com maior retorno em 2011, segundo a sondagem da Bloomberg, esperando-se uma apreciação de 37% do metal precioso. Seguem-se a onça de ouro (23%), que deverá atingir os 1.700 dólares, e ainda o zinco (21%), que fechará 2010 com um dos desempenhos mais fracos entre os metais. Trigo (17%) e milho (14%) também devem somar ganhos de dois dígitos em 2011.

Na base destas previsões estão sobretudo as expectativas de que a China cresça 9% no próximo ano, face aos 10% esperados para 2010, mas também uma recuperação mais acentuada da economia norte-americana. Os economistas sondados pela Bloomberg apontam para uma progressão de 2,5% do PIB americano no primeiro trimestre e de 3,5% nos últimos três meses do ano.

Os peritos também notam que enquanto os mercados accionistas mundiais estão ainda a 11 biliões de dólares da capitalização recorde obtida em 2007, o montante aplicado em matérias-primas nesse período aumentou em 80%.

MRA Alliance/DE

Leave a Reply