Ministério da Justiça e Ordem vão auditar advogados oficiosos

O Ministério da Justiça e a Ordem dos Advogados vão efectuar uma auditoria conjunta para apurar se há advogados oficiosos que apresentaram contas ao Estado de serviços que não prestaram aos cidadãos.

No primeiro encontro entre a ministra da Justiça e o bastonário Marinho Pinto fez questão de lembrar à ministra Paula Teixeira da Cruz, que o ministério da justiça deve 183 milhões de euros aos advogados oficiosos.

O Ministério da Justiça e Ordem dos Advogados vão tentar identificar se, de facto, há irregularidades nas contas que estão a ser cobradas ao Estado, por alguns advogados oficiosos. Enquanto não for feita a auditoria conjunta, a tutela não vai pagar.

MRA Alliance/TVI24

Leave a Reply