Metade dos americanos contra intervenção na Líbia

Barack ObamaQuase metade dos americanos se opõe que seu país se envolva no conflito na Líbia, segundo pesquisa publicada nesta quarta-feira e que coloca em evidência o risco assumido pelo presidente Barack Obama ao gerir um conflito tão complexo. Na última pesquisa da Universidade Quinnipiac, 47% dos eleitores entrevistados opõem-se à intervenção dos Estados Unidos na Líbia, contra 41% que aprovam.Apesar de 53% dos consultados aprovarem os disparos de mísseis de longo alcance para destruir as defesas aéreas líbias (33% são contrários), 48% (contra 41%) acham que os Estados Unidos não devem “derrubar o dirigente Muamar Kadhafi pela força”, uma eventualidade que Obama descartou.

O presidente, que na segunda-feira se dirigiu aos seus compatriotas para defender a participação das forças armadas norte-americanas contra o regime líbio a fim de evitar um massacre em nome dos valores americanos, enfrenta um profundo cepticismo por parte de seus cidadãos, destaca o estudo.

MRA Alliance/Agências

Leave a Reply