Japão: Central nuclear de Fukushima não voltará a ser utilizada após desastre natural

Operações de salvamento em FukushimaA central nuclear japonesa de Fukushima não deverá voltar a ser utilizada, na sequência dos incidentes provocados pelo sismo e tsunami de 11 de Março, afirmou hoje o porta-voz do Governo. “Considerando com objectividade a situação da central, penso que é evidente que a central de Fukushima Daiichi (número 1) não está em condições de voltar a funcionar”, disse Yukio Edano em conferência de imprensa.

O responsável salientou que esta decisão não depende apenas do Estado, uma vez que a central é gerida pela Tokyo Electric Power (Tepco), uma das principais empresas de electricidade privadas do Japão.

Situada na costa, a cerca de 250 quilómetros a nordeste de Tóquio, Fukushima 1 é uma central nuclear antiga, construída nos anos de 1970. A central está equipada com seis reactores, que foram muito danificados pela catástrofe de 11 de Março, que provocou 8.133 mortos e 12.272 desaparecidos, segundo um novo balanço da polícia.

O sismo e tsunami provocaram também um grave acidente na central nuclear de Fukushima, que faz pairar a ameaça de uma contaminação radioactiva em grande escala sobre o arquipélago. O operador da central nuclear acidentada de Fukushima considerou hoje ser “difícil” restabelecer a alimentação eléctrica do reactor 2, uma operação também adiada no sábado, indicou a Tokyo Electric Power (Tepco).

MRA Alliance/DN

Leave a Reply