Instabilidade política preocupa empresas alemãs em Portugal

As empresas alemãs presentes no mercado nacional estão satisfeitas, mas ao contrário dos últimos anos estão preocupadas com a falta de estabilidade política de Portugal. Cautelosas quanto ao médio prazo, as empresas consideram como pontos negativos a eficácia da Administração Pública, as condições de pagamento das empresas e o direito laboral.

O estudo anual referente a 2010 que a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã faz junto de 300 empresas alemãs a operar em Portugal, divulgado ontem – quando o Presidente alemão, Christian Wulff, iniciou uma visita oficial a Portugal – sublinha que “a estabilidade política, um dos aspectos que em estudos anteriores realizados pela CCILA recebeu sempre classificações muito positivas, mereceu nesta edição apenas 3,23 valores”, numa escala de um a seis, sendo o um muito positivo e o seis muito negativo.

MRA Alliance/DE

Leave a Reply