Grécia pode sair do Euro, diz comissária da UE

A comissária europeia das Pescas e dos Assuntos Marítimos, Maria Damanaki, afirmou que a possibilidade da Grécia sair do Euro está sob a mesa.

“Sou obrigada a falar abertamente. Temos uma responsabilidade histórica para perceber o dilema: ou acordamos com os nossos credores em relação a um programa de sacrifícios que consiga resultados ou temos que regressar ao dracma (antiga moeda grega)”, disse a responsável na sua página pessoal.

“O maior feito da Grécia no pós-guerra, o euro e a integração europeia do país, estão em perigo. O cenário da Grécia se distanciar do Euro está em cima da mesa”,  disse ainda a comissária europeia, que representa a Grécia na CE.

As palavras de Maria Damanaki tiveram repercussões imediatas, tendo o  porta-voz do comissário Europeu dos Assuntos Económicos e Financeiros negado a probabilidade de a Grécia sair do Euro.

Amadeu Altafaj garantiu ontem que “nenhum Estado-membro levantou, até à data, a possibilidade da Grécia, ou de qualquer outro país sair da zona euro”.

A Grécia vai entrar em falência se não receber em junho €12 mil milhões de ajuda externa. O governo grego propôs um novo pacote de austeridade de €6 mil milhões de euros e um programa de privatizações de €50 mil milhões até 2015, que terá que ser aprovado para receber a ajuda da União Europeia (UE( e do Fundo Monetário Internacional (FMI).

MRA Alliance/Expresso

Leave a Reply