França: Congelamento de salários da função pública em 2012

O governo francês anunciou hoje que em 2012, pelo segundo ano consecutivo, vai congelar os salários da função pública como uma das medidas para cumprir os objectivos de combate ao défice público. O ministro do Orçamento francês, François Baroin, considerou que esta decisão garante apesar de tudo “um aumento respeitável do poder aquisitivo dos funcionários no ano que vem”.

Depois de uma reunião hoje de manhã com as organizações sindicais, Baroin recordou que o poder de aquisição dos funcionários públicos “que aumentou mais de 10 por cento desde 2007, se manterá por uma série de medidas individuais para cada um dos departamentos da função pública”.

Os sindicatos, contudo, lamentam que sejam os trabalhadores dos sector público a “pagar” a política de rigor do executivo, no mesmo mês em que o governo propôs que as empresas com dividendos paguem um prémio de até mil euros a cada trabalhador, como forma de repartir de forma mais equitativa os lucros das empresas.

MRA Alliance/JdN 

Leave a Reply