FAO: Compra de terras em África é uma ameaça para os pobres

A Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) alertou ontem para o perigo de agravamento da fome e da pobreza devido à crescente compra de terras em países africanos por parte de governos e empresas privadas internacionais, noticia a Lusa.
Segundo a FAO, o fenómeno, que está a aumentar em “África e em outros continentes”, implica um risco acrescido para os pobres, que “se vêem desapropriados ou impedidos do acesso à terra, à água e a outros recursos”.

O organismo, que se apoia num relatório do Instituto Internacional para o Meio Ambiente e Desenvolvimento, reconhece que as aquisições de terras em países pobres podem abrir muitas oportunidades, como a criação de saídas comerciais, emprego ou investimento em infra-estruturas. No entanto, acrescenta, poderá ter um efeito perverso se excluir a população local da tomada de decisões sobre as questões fundiárias.

Para a FAO, a motivação para o investimento em terras em países pobres prende-se com a segurança alimentar dos países investidores e com as oportunidades de negócio exploradas pelas empresas para a produção de produtos agrícolas básicos para a indústria.

MRA Alliance/Lusa

Leave a Reply