Europa reduz vinhedos para melhorar qualidade do vinho

vinha -ChileA União Europeia aprovou ontem a reforma para o sector vinícola, que implica a erradicação de 175 mil hectares de vinha para melhorar a competitividade. Os vinhos europeus têm perdido mercado para as marcas do novo mundo – Chile, Argentina, Estados Unidos, Austrália e África do Sul. Incentivos financeiros serão concedidos aos produtores menos competitivos para cessem a actividade. A UE poderá desta forma reduzir a produção vinícola excedente que custa milhões de euros/ano aos cofres comunitários. Os valores das ajudas serão definidos e pagos pelos governos nacionais. MRA/Agências

Leave a Reply