EUA: Vendas de automóveis com sinais mistos

As vendas de veículos nos Estados Unidos publicadas na terça-feira indiciam sinais mistos. Entre as marcas norte-americanas, apenas a Ford,  o único dos três fabricantes que não precisou da proteção judicial de credores, teve um desempenho positivo.

As vendas da Ford no mês passado somaram 182 149 veículos, um crescimento de 17% face a Julho. Ainda assim, o crescimento, foi mais tímido do que o esperado, face às expectativas geradas pelos incentivos do governo americano para renovação da frota. Calcula-se que 700 mil compradores foram beneficiados com o programa que se traduziu num total de 2,88 mil milhões de dólares em descontos nos preços dos carros.

Também com sinal positivo, a japonesa Toyota informou que vendeu 225 088 veículos em Agosto, um avanço de 6,4% em relação ao mesmo mês de 2008. A Honda comercializou 161 439 veículos no mês passado, uma subida homóloga de 9,9%. Entre as marcas nipónicas, apenas a Nissan reportou uma queda de 2,9% nas vendas, para 105 312 veículos.

Em contrapartida, a General Motors (GM) continua longe da recuperação a despeito de as vendas terem melhorado ligeiramente. Porém, a quebra, em Agosto, ainda foi de 20,2% face ao mesmo mês do ano passado, com 246 479 veículos. A Chrysler recuou 15% no período, tendo comercializado 93 222 unidades.

O grande destaque vai para a sul-coreana Hyundai com um salto de 47% (60 467 veículos) no mês em análise. Também a alemã Volkswagen comercializou 24 823 unidades, com uma subida homóloga 11,4%.

MRA Alliance/Agências

Leave a Reply