EUA: Maior financeira de PME’s industriais corre risco de insolvência

O CIT Group, instituição financiadora de quase mil PME’s industriais norte-americanas, poderá estar a preparar-se para uma possível falência judicial, segundo fontes citadas ontem pela agência Bloomberg. O valor bolsista do CIT Group caiu mais de 77% nos últimos 12 meses. O CIT contratou a sociedade de advogados Skadden, Arps, Slate, Meagher & Flom, especializada neste tipo de casos, refere a agência novaiorquina.

A contratação de um consultor jurídico daquele calibre não significa necessariamente que a companhia esteja a programar uma falência controlada pelos tribunais, mas acicatou rumores de insolvência na imprensa norte-americana, desde o final da semana passada.

A Bloomberg revela que o peso sistémico do CIT no sector industrial pode pôr em causa boa parte dos seus 760 clientes e desencadear uma crise de consequências imprevisíveis para cerca de 300 mil retalhistas.  “Um colapso afectaria ‘as pequenas e médias empresas cujas operações dependem do CIT – para pagamento a fornecedores, abastecimento de clientes e pagamento de salários'”, refere a Bloomberg, citando um documento interno da instituição a que teve acesso.

O grupo financeiro terá de pagar cerca de USD mil milhões/um bilhão (mm/bi) aos credores em contratos que se vencem até meados de Agosto. Porém, o total dos empréstimos vincendos até 2010 ascende a USD 10 mm/bi. Há mais de um ano que a empresa não consegue emitir obrigações nos mercados de dívida, facto que agravou substancialmente a sua actual situação financeira.

O mercado aguarda os resultados do segundo trimestre de 2009, anunciados para daqui a quinze dias.

A empresa confirmou na semana passada que o regulador das falências bancárias nos Estados Unidos – Federal Deposit Insurance Corporation (FDIC) – ainda não aprovou o seu pedido de adesão ao Programa de Garantia de Liquidez Temporária (TLGP, em inglês).

A instituição disse que continua a negociar com o governo um plano de ajudas estatais de emergência, mas não pode assegurar a sua aprovação.

MRA Alliance/Agências

Leave a Reply