Espanha: Desemprego atinge mais de 40% dos jovens

A Espanha é o país da Zona Euro com a taxa de desemprego mais elevada, sendo que os jovens estão a ser os mais afectados. De acordo com o Eurostat, mais de 40% dos espanhóis com menos de 25 anos não têm emprego.

A taxa de desemprego em Espanha subiu para 19,3% em Setembro, o nível mais elevado da Zona Euro e o segundo mais alto da União Europeia, só superado pela Letónia (19,7%).

Contudo, entre os jovens com menos de 25 anos, a Espanha apresenta o registo mais elevado (41,7%), mostrando que a economia do país continua incapaz de criar novos postos de trabalho devido à forte recessão que atravessa.

Enquanto várias economias da região apresentam já crescimento no terceiro trimestre, o PIB espanhol continua em queda. Entre Julho e Setembro sofreu uma contracção 0,4%.

Sozinha, a Espanha é responsável por cerca de metade do aumento do desemprego da Zona Euro, no último ano, com a taxa de desemprego a mais que duplicar no espaço de dois anos.

O FMI aponta para que a taxa de desemprego supere os 20% em 2010 e a própria ministra das Finanças estima que o desemprego vai continuar a subir no último trimestre deste ano.

Em Portugal a taxa de desemprego subiu para 9,2% em Setembro, afectando 18,6% dos jovens, o que representa um nível inferior ao registado na Zona Euro (20,1%).

MRA Alliance/Agências

Leave a Reply