Desarmamento: Cimeira histórica entre Obama e Medvedev

Os presidentes americano e russo assinam hoje em Praga um acordo de redução de armamento nuclear que substitui um tratado de 1991, o START, e representa a diminuição de um terço no potencial atómico de cada país. Barack Obama e Dmitri Medvedev terão na capital checa um encontro bilateral onde se espera que o tema da discussão seja o programa nuclear iraniano.

A assinatura do START-2 é um triunfo diplomático para ambos os presidentes e deverá marcar uma melhoria na relação entre EUA e Rússia. Mas os problemas não estão todos resolvidos. A delegação russa quer incluir uma cláusula de saída do tratado, caso seja desenvolvida tecnologia antimíssil capaz de reduzir a eficácia do seu arsenal. A questão tem prejudicado o relacionamento russo-americano, como se provou na polémica do escudo anti-míssil que a anterior administração de George W. Bush tentou erguer na Europa Oriental, projecto entretanto abandonado.

O acordo START-2 também coincide com uma nova postura estratégica americana de uso do arsenal nuclear, ontem divulgada. Esta doutrina prevê mais limitações ao uso das bombas atómicas e o seu anúncio incluiu avisos sérios a Teerão, que reagiu ontem de forma desafiadora. A única excepção ao uso pelos americanos de armas nucleares são casos como Irão ou Coreia do Norte.

MRA Alliance/DN

Leave a Reply