Coreia do Sul aprova programa de salvação financeira

A Coreia do Sul vai dar uma garantia sobre os empréstimos interbancários até USD 100 mil milhões/ bilhões (mm/bi) – EUR 74,6 mm/bi – para estabilizar os mercados financeiros, anunciou hoje o Governo. Para ajudar os bancos que não conseguem financiar-se no mercado, o plano prevê uma garantia de três anos para os empréstimos interbancários em divisas estrangeiras, um apoio suplementar de liquidez do banco central ao sector bancário e benefícios fiscais, indicou um comunicado conjunto do governo e do banco central. “Numa altura em que outros grandes países começaram a garantir os empréstimos interbancários, o Governo sul-coreano vai tomar medidas similares para evitar colocar os bancos nacionais numa situação de desvantagem e para apaziguar os receios relativamente aos mercados financeiros“, refere a nota. “O Governo e o Banco da Coreia vão garantir ainda liquidez ao sector bancário, num valor equivalente a USD 30 mm/bi (EUR 22,3 mm/bi), utilizando as reservas em divisas estrangeiras”. O documento sublinha que a Coreia do Sul, quarta maior economia asiática, continua de boa saúde, destacando as exportações, e precisa que as reservas em divisas estrangeiras são suficientes. MRA Dep. Data Mining

Leave a Reply