Cidade galega reintroduz a peseta como moeda concorrente do euro

A pequena cidade galega de Mugardos decidiu reintroduzir a peseta na circulação monetária juntamente com o euro para estimular a economia local. Os lojistas de Mugardos desafiam os consumidores que possuem moedas ou notas da antiga moeda nacional esquecidas em casa a usarem-nas na compra de bens ou de serviços. De início muitos comerciantes torceram o nariz à ideia nas hoje a experiência está a reveler-se um sucesso. 

A crise económica local, onde 60 estabelecimentos comerciais já fecharam as portas, e os impactos negativos da recessão a nível nacional, com uma taxa de desemprego superior a 20% e milhares de falências de empresas, serviram de inspiração aos comerciantes da pequena cidade pesqueira da Galiza. 

Muitos forasteiros estão a deslocar-se a Mugardos para gastarem as pesetas que nunca chegaram a converter em euros. Esta semana uma tostadeira foi vendida por 10 mil pesetas.  

A velha divisa espenhola ainda pode ser trocada por euros mas apenas aos balcões do banco central. O Banco de Espanha estima em 1,7 mil milhões de euros o montante total das pesetas não convertidas oficialmente após a respectiva introdução no mercado em 1 de Janeiro de 2002. Muitas delas foram guardadas como recordação, ou como unidades de coleccionismo ou perderam-se nos bolsos dos muitos turistas que até então visitaram Espanha.

MRA Alliance/BBC

Leave a Reply