Chávez salvador da OPEP e acelerador dos USD 100/barril? Humildemente, ele confirma…

Hugo Chávez - Presidente da VenezuelaO presidente da Venezuela, Hugo Chávez,regressou hoje ao país após uma série de visitas oficiais à Arábia Saudita, Irão, França, Portugal e Cuba, autoproclamando-se como “salvador da OPEP” e o artífice do “petróleo a quase 100 dólares”, segundo informa a Agência France Presse, da sua delegação em Caracas. “Há dez anos ninguém respeitava a Venezuela porque era uma colónia do império estadunidense, acentuou Chávez, alcandorado num palanque junto à sede presidencial, o Palácio de Miraflores. O líder venezuelano, que falou de improviso, perante uma audiência maioritariamente constituída por estudantes, lembrou que “quando a revolução bolivariana chegou ao poder [1999] o petróleo estava a 7 dólares (…) E quando eu entreguei [a presidência da OPEP] estava a quase 100 dólares“.

No passado fim-de-semana, o presidente venezuelano participou, em Riade, Arábia saudita, na III Cimeira dos 13 Chefes de Estado e de Governo membros da OPEP – Organização dos Países Exportadores de Petróleo. Porém, não conseguiu convencer os seus pares a transformar a organização num actor de primeiro plano na geopolítica global e a usar o petróleo como “arma política”.

“Se não fosse pela Venezuela, hoje a Opep estaria liquidada, porque este era o objetivo do império norte-americano. Salvamos a Opep e a entregamos fortalecida. Este foi o papel da Venezuela”, disse poucos minutos depois de ter aterrado em Caracas. (pvc/AFP)

Leave a Reply