Brasil: Presidente do BC prevê crise prolongada nos EUA

A crise das hipotecas americanas de alto risco (subprime) ainda está longe do final e vai prolongar-se “por mais algum tempo ” , disse o presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles. ” Em sua opinião a crise de crédito parece estabilizada por os bancos terem contabilizado os prejuízos e estão a capitalizar-se disse o banqueiro central brasileiro numa sessão no Congresso, em Brasília. Meirelles disse que o mercado imobiliário continua a ser a grande ameaça por a oferta exceder a procura, os preços continuarem caros e muitas hipotecas ainda não foram renegociadas nem reajustadas a taxas de juro mais elevadas. A economia dos Estados Unidos deverá crescer insuficientemente aumentando as tensões recessivas. ” Na pior das hipóteses, não se elimina um crescimento negativo ” , disse Meirelles. Numa sessão com deputados de cinco comissões da Câmara o presidente do BC prognosticou o arrefecimento do crescimento económico mundial e o perigo de estagflação na Europa e disse que as economias emergentes, como o Brasil, reagiram melhor do que o esperado. MRA/Agências

Leave a Reply