Alemanha: Activos tóxicos da banca têm plano de “limpeza”

O governo da Alemanha aprovou ontem um plano para diminuir os ativos tóxicos dos “bancos carecas” no montante de EUR 200 mil milhões/bilhões (mm/bi). O programa destinado aos bancos comerciais carece ainda de aprovação do parlamento. O governo da chanceler Angela Merkel pretende obter a aprovação antes das férias parlamentares de Verão, que começam em Julho.

Porém, no mês passado, a imprensa alemã citou um memorando interno do Ministério das Finanças da Alemanha segundo o qual o plano previa “limpar” até 853 mil milhões de euros de activos problemáticos dos bancos.  Segundo os cálculos do documento, o volume de activos “tóxicos” que o governo alemão se propõe eliminar da contabilidade dos bancos é similar em volume ao plano que os EUA estão a delinear para sanear os seus próprios bancos, noticiou em Abril  jornal “Frankfurter Allegemeine Zeitung”.

Segundo o modelo ontem aprovado, Berlim exige aos bancos que acedam ao auxílio estatal criem as suas próprias subsidiárias que giram a sua dívida “tóxica”, a qual será garantida pelo Estado em troca de comissões. O reembolso dos empréstimos será garantido com o pagamento de dividendos e de parte dos lucros.

MRA Alliance/Agências

Leave a Reply