“Agências devem subir o rating de Portugal”, diz ex-director geral do FMI

O antigo director geral do Fundo Monetário Internacional (FMI) disse hoje que face às medidas adoptadas no Orçamento de Estado para 2011 é a altura de as agências de notação financeira subirem o rating de Portugal.

“Perante as medidas significativas tomadas por Portugal, acho que se justifica que as agências revejam em alta o rating da dívida soberana portuguesa”, afirmou aos jornalistas Jacques de Larosiére, à margem de uma conferência em Lisboa dedicada ao sector financeiro.

Segundo o responsável, que liderava o FMI na intervenção que a entidade teve em Portugal na década de 80, o país “está no bom caminho” para consolidar as contas públicas.

MRA Alliance/Oje

Leave a Reply