Assassínio de Benazir Bhutto: Algumas reacções e uma intrigante premonição

Premonição da Guerra Civil, 1936, Salvador DaliEx-agentes da CIA, membros de influentes lóbis dos Estados Unidos, editoralistas e académicos prevêm que, com o assassínio de Benazir Bhutto, “os Estados Unidos terão que repensar a estratégia de influenciar o processo democrático no Paquistão. (…) Um dos especialistas considerou mesmo que 27/12/2007 foi “um dia mau para os Estados Unidos” prevendo consequências negativas para a administração Bush/Cheney, no futuro próximo, pela forma como geriu as suas relações com a pró-americana ditadura militar paquistanesa .

Porém, no mínimo, é perturbante o artigo escrito pelo editorialista de um influente diário israelita. Não pelo conteúdo, mas pela data. Mais…

(pvc)

One Response to “Assassínio de Benazir Bhutto: Algumas reacções e uma intrigante premonição”

  1.   Destaques da MRA Alliance — MRA Newsletter Says:

    [...] Assassínio de Benazir Bhutto: Algumas reacções e uma intrigante premonição [...]

Leave a Reply